Como investidores se comportam em cenários de queda do mercado?

Vieses comportamentais são erros de percepção, avaliação ou julgamento, que escapam à racionalidade, e ocorrem de forma sistemática e previsível, em determinadas circunstâncias, no processo decisório. Ocorrem devido às heurísticas, ou atalhos mentais, que funcionam como regras de bolso que agilizam e simplificam a percepção e a avaliação das informações que recebemos. Embora simplifiquem as decisões, podem trazer riscos.

Aversão à perda é um viés comportamental que nos faz atribuir, na tomada de decisões, um peso maior às perdas do que aos ganhos, porque normalmente a dor da perda é sentida com muito mais intensidade (em média duas vezes mais) do que o prazer do ganho. Esse comportamento pode nos induzir a correr mais riscos na tentativa de reparar eventuais prejuízos. Continue lendo…

Por que as pessoas ainda são alvo de esquemas de pirâmide?

Uma queixa que tem se tornado relevante nos canais de comunicação da CVM é referente a pirâmides financeiras. A quantidade de reclamações recebidas pela CVM relacionadas ao assunto tem evidenciado a gravidade de práticas dessa natureza – e, em uma era de facilidade de acesso à informação como a que vivemos, fica a dúvida: por que as pessoas continuam caindo nesses esquemas?

Saiba mais sobre Investimentos Irregulares no 2º Boletim de Proteção do Consumidor/Investidor da CVM e sobre Marketing Multinível e Pirâmides Financeiras no 6º Boletim de Proteção do Consumidor/Investidor.

Promessas de ganhos altos, em pouco tempo e com pouco esforço. Cenários econômicos desfavoráveis e taxa de desemprego. Vamos abordar esses aspectos e como eles afetam nosso comportamento.

Continue lendo…

CVM Utiliza Redes Sociais para Estimular o Hábito de Poupar

Nesta segunda-feira, dia 22 de junho, durante a cerimônia de premiação do 2º Concurso Cultural de Redação e Vídeo, será lançado o 1º Concurso Cultural CVM – Poupança e Investimento, com o tema “Meu Pé de Meia”, cujo regulamento está disponível no Portal do Investidor.

O objetivo é chamar atenção para a importância de poupar e assim contribuir para a mudança de comportamento do brasileiro em relação às suas decisões de consumo, poupança e investimento.

De 1º de julho a 30 de setembro, os interessados em participar poderão enviar à CVM posts e vídeos contendo histórias reais ou ficcionais sobre o uso do dinheiro, a importância de formar reservas financeiras para realizar objetivos de vida ou outros assuntos que levem à reflexão sobre o tema.

Cada participante poderá concorrer com até 5 vídeos e 5 posts, bastando enviá-los (juntamente com seu nome completo, e-mail e idade) por mensagem inbox  na página da CVM Educacional no Facebook. Se o autor for menor de idade, o nome do responsável também deverá ser enviado.

Os 3 vídeos e 3 posts que receberem o maior número de curtidas e compartilhamentos até 10/10/2015 serão classificados para a etapa final, na qual uma Comissão Julgadora selecionará o melhor trabalho de cada categoria: post e vídeo.

Os 2 vencedores serão premiados com um iPad cada, em cerimônia realizada no Rio de Janeiro, no dia 30 de outubro – uma iniciativa em comemoração ao Dia Mundial da Poupança, festejado anualmente no dia 31 de outubro.

A ideia é deixar um pouco de lado a linguagem técnica do mercado financeiro e fazer o público das redes sociais pensar sobre o tema de forma leve, descontraída, cômica, inovadora ou até mesmo inusitada, gerando identificação com as situações apresentadas e sensibilizando a população para a importância de formar um “pé de meia”.