Tag Archives: Tomada de Decisão

A Transmissão Social de Conhecimentos Financeiros

Na busca de soluções para problemas cotidianos, é comum recorrermos às pessoas à nossa volta que não são necessariamente especialistas. Especialmente quando o tema é finanças.

Partindo dessa premissa, um recente estudo tentou responder a seguinte questão: é válido buscar o conhecimento de pessoas leigas em um assunto (neste caso, finanças) antes de tomar uma decisão?

Continue lendo

As Intervenções Precisam Ser Personalizadas: Entrevista com o Dr. Werner DeBondt

O Dr. DeBondt é um dos pioneiros no campo das Finanças Comportamentais. É também Diretor e fundador da Richard H. Driehaus Center for Behavioral Finance na DePaul University, em Chicago, Estados Unidos.

Foi palestrante principal (keynote speaker) na 4ª Conferência de Ciências Comportamentais e Educação do Investidor¹, onde falou sobre Psicologia da Regulação.

Apresentamos a entrevista exclusiva que o Dr. DeBondt concedeu ao CVM Comportamental, assim como o link para sua palestra.

Continue lendo

Desconto Hiperbólico: mais vale um pássaro na mão?

É razoável que as pessoas prefiram antecipar as boas experiências e adiar as ruins. Quando se pensa em termos cronológicos, há quem prefira que os recebimentos sejam tão breves quanto possível e que os pagamentos não venham tão cedo.

A predisposição humana para privilegiar a gratificação imediata e para descontar um valor quando tem que adiar a satisfação são denominadas, respectivamente, Viés do Presente e Desconto Hiperbólico.

Continue lendo

Novo Centro de Pesquisas em Princeton Homenageia Kahneman e Treisman

A Universidade de Princeton recebeu uma doação de 10 milhões de dólares para a criação do “Daniel Kahneman and Anne Treisman Center for Behavioral Science and Public Policy” – um centro para estudo das ciências comportamentais e políticas públicas, criado em homenagem ao Psicólogo, e ganhador do Prêmio Nobel de Economia, Daniel Kahneman e à sua esposa Anne Treisman, professora emérita de Princeton e ganhadora de alguns dos mais importantes prêmios científicos dos Estados Unidos, como a National Medal of Science.

Continue lendo

O Regulador como Arquiteto de Escolhas

O termo “arquitetura de escolhas” (choice architecture) foi cunhado por Thaler e Sustein no livro Nudge: Improving Decisions about Health, Wealth and Happiness. Ele se refere ao fato de que as nossas decisões podem ser afetadas pela maneira como as opções nos são apresentadas.

No artigo intitulado Choice Architecture Matters: The Case of Investor Protection within the Italian Crowdfunding Market, Brodi e Motterlini afirmam que os formuladores de políticas públicas (ao menos na área financeira) são arquitetos de escolhas, no sentido de que cabe a eles selecionar as informações que devem ser divulgadas ao mercado e em que formato.

O artigo de Brodi e Motterlini tem o objetivo de avaliar a nova regulação italiana de crowdfunding do ponto de vista comportamental. No entanto, suas conclusões também podem ser aplicadas à regulação financeira de forma geral, já que estão relacionados à proteção do investidor.

De acordo com os autores, o papel de uma regulação verdadeiramente orientada segundo o comportamento é ajudar o indivíduo a conhecer seus vieses cognitivos e a lidar melhor com eles na tomada de decisões.

Continue lendo