A Educação Financeira na CVM vem ganhando novos contornos nos últimos anos, com a consolidação da percepção de que entender os padrões de comportamento e perfis dos investidores é fundamental para a eficácia de nossa atuação educacional.

É nesse contexto que nasce o primeiro volume de uma série de materiais educacionais – Série CVM Comportamental -, intitulado Vieses do Investidor, criado com o objetivo de alertar o cidadão sobre os erros sistemáticos mais comuns que podem ser cometidos na tomada de decisões, sendo que este volume tratará de algumas tendências mais associadas a decisões de investimento, enquanto os próximos volumes abordarão vieses mais relacionados a consumo, poupança e outros tópicos.

Privilegiando o caráter prático, este material apresentará, para cada viés, uma definição, alguns exemplos de como pode influenciar o gerenciamento de nossas aplicações e dicas para tentar contorná-lo.

Ciente de que existem inúmeros fatores que influenciam de formas diversas o comportamento econômico e financeiro das pessoas, a CVM se coloca à disposição para receber sugestões e comentários a respeito deste material, que podem ser enviados ao endereço cop@cvm.gov.br ou simplesmente comentados aqui.

Boa leitura e bons investimentos!

Serie Vieses Comportamentais_vol1_vieses_investidor

2 thoughts on “Série CVM Comportamental – Vol 1: Vieses do Investidor

  1. Prezados Srs.,

    Achei muito interessante a publicação por parte da CVM do artigo sobre vieses comportamentais do investidor.

    Tendo feito minha dissertação de mestrado na área de finanças comportamentais – vieses comportamentais do investidor – e abordado essa questão também em livro (O investidor em ação) publicado pela editora carioca Qualitymark em 2004, gostaria de sugerir à CVM que publique juntamente com seus artigos sobre o tema, bibliografia local e estrangeira sobre o assunto, para possibilitar maior escopo de pesquisa aos leitores.

    Att

    Luiz Rogé

    1. Olá Luiz,

      Infelizmente não temos como divulgar bibliografia, pois poderíamos deixar alguém de fora – o que não seria justo. Além disso, a bibliografia é algo dinâmico, uma vez que novos livros e artigos são lançados a todo momento, o que geraria a dificuldade de manter a lista atualizada.

      Assim sendo, o que fazemos é sugerir palavras-chave para que os nossos leitores possam buscar e selecionar por si próprios as fontes bibliográficas de seu interesse.

      Agradecemos seu comentário!

      Atenciosamente,
      Equipe COP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *