O Dr. DeBondt é um dos pioneiros no campo das Finanças Comportamentais. É também Diretor e fundador da Richard H. Driehaus Center for Behavioral Finance na DePaul University, em Chicago, Estados Unidos.

Foi palestrante principal (keynote speaker) na 4ª Conferência de Ciências Comportamentais e Educação do Investidor¹, onde falou sobre Psicologia da Regulação.

Apresentamos a entrevista exclusiva que o Dr. DeBondt concedeu ao CVM Comportamental, assim como o link para sua palestra.

Destaques da Entrevista:

“Nós podemos ajudar as pessoas, mas temos que ser cautelosos com o que afirmamos poder fazer e o que não podemos.”

“Por outro lado, a competência financeira é tão baixa (…) que até intervenções mínimas podem ser úteis. Mas, mesmo algo bom pode ser excessivo.”

“O que talvez possa ser um problema é que isso tem que ser personalizado. (…) Muitos investidores sofrem de excesso de autoconfiança enquanto outros têm medo de tudo, carecem de qualquer tipo de autoconfiança.”

“Informação é importante, mas se você afogar as pessoas em informação, então a tendência é elas não fazerem nada (por medo de errar).”

“É comum as pessoas saberem que estão fazendo coisas erradas e mesmo assim não consigam fazer a coisa certa.”

 

Vídeo da entrevista concedida em 7/12/2016

Aguardamos seu comentário!

 

¹Promovida pela CVM, BM&FBOVESPA e ANBIMA, com apoio da CETIP, e realizada no Rio de Janeiro, em dezembro de 2016.

One thought on “As Intervenções Precisam Ser Personalizadas: Entrevista com o Dr. Werner DeBondt

  1. Gratidão à CVM Educacional pela entrevista!

    Nossa missão enquanto educadores financeiros é despertar nas pessoas o olhar para o futuro e a importância de pensar nele desde sempre, instigando uma mudança cultural no mundo, para que as pessoas não tenham uma surpresa ao chegar no período da aposentadoria e descobrirem que já é hora de se aposentar e de que elas não terão mais renda para sobreviver, como se fosse uma grande surpresa, conforme mencionado pelo Dr. DeBondt no final do vídeo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *