Guilherme Horn é um dos pioneiros de Fintech no Brasil. Criou a Ágora, um case de sucesso de Fintech na América Latina, vendida para o Bradesco em 2008. Depois disso lançou a Órama, eleita pela Amazon em 2013 a startup de Fintech mais inovadora do mundo. É editor do Finnovation e escreve a coluna “Seu bolso na era digital”, no Jornal Estado de São Paulo.

O empreendedor e investidor-anjo concedeu uma entrevista exclusiva ao CVM Educacional na qual menciona as startups como protagonistas de uma disrupção do mercado financeiro brasileiro, da mesma forma que vem ocorrendo em outros países.

Durante o Fintech Day¹, Guilherme Horn participou da mesa-redonda:

 

Assista abaixo a breve entrevista concedida em 5/12/2016:

 

E você? Também acha que estamos prestes a testemunhar uma transformação radical provocada pela tecnologia no Mercado Financeiro?

Aguardamos seu comentário!

 

¹Evento promovido pela CVM, OCDE, BM&FBOVESPA e ANBIMA, com apoio da CETIP e realizado no Rio de Janeiro, em dezembro de 2016.

3 thoughts on “A mudança protagonizada pelas startups é disruptiva: entrevista com Guilherme Horn

  1. Como leitor assíduo das matérias do site, recebam meus agradecimentos pelas excelentes matérias, principalmente as que tratam sobre o estudo da economia comportamental e o seu impacto na sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *